Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Jane Austen Portugal

O Blogue de Portugal dedicado à Escritora

As Irmãs Bennet

As irmãs Bennet são todas diferentes entre si, como seria de esperar. Lizzie detém o estatuto de preferida do pai, no entanto é Lydia quem ocupa esse lugar no coração da Sra Bennet.

Apesar de serem cinco irmãs, eu diria que são apenas três, talvez porque sempre que olho para elas, parece-me que formam três duplas distintas: Jane/Lizzie; Kitty /Lydia e Mary.

Pois é Mary parece ficar sozinha nesta divisão, sabemos que ela é a mais feia das irmãs, mas eu nunca entendi se ela seria, a mais feia quando comparada com as outras ou se era realmente feia. De qualquer modo a beleza é um conceito deveras subjectivo e Orgulho e Preconceito, expressa mesmo essa ideia pela boca do Mr. Darcy. Quando questionado pela Miss Bingley num dos capítulos iniciais, Darcy não tem dúvidas em dizer que Lizzie não é bonita, mas aquando da visita dela a Pemberley e perante novo interrogatório da Miss Bingley, ele afirma que ela é das mulheres mais bonitas que conhece.

Assim, sem atractivos que saltem à vista, Mary acaba por se tornar estudiosa e dedicar-se ao desenvolvimento dos seus talentos. Julgo que isso a isola um pouco das irmãs. Calculo que num dia Mary passasse mais horas a treinar no piano do que a fazer uma qualquer actividade com as irmãs.

Apesar de mais velha Kitty segue Lydia cegamente. O que é curioso, já que seria de esperar o contrário. Eu diria estas duas são uma espécie de gémeas. E como nos gémeos, uma parece assumir o comando e liderar a outra. No filme de 2005, Kitty foi interpretado pela Carey Mulligan, ela disse em entrevistas que tinha tentado copiar os gestos de Jena Malone ( Lydia) precisamente pela relação das duas e isso ajudou-a no papel já que era inexperiente.

Por fim Lizzie e Jane, as mais velhas e aquelas que pela sua sensatez e caracter acabam admiradas onde quer que vão. Como é possível que elas tivessem tanta capacidade de se comportar tendo em conta a forma como a própria mãe muitas vezes se comportava? Julgo que a solução apresentada pela minha colega Joana, neste post , será a mais correcta. À medida que iam nascendo mais meninas o interesse de Mr. Bennet foi diminuindo e as outras acabaram por ser mais criadas pela mãe. Às mais velhas ele ainda conseguiu incutir algum juízo. De resto, como sabemos as irmãs Bennet não tiveram uma preceptora e nunca nos dizem que tivessem frequentado uma escola. Assim, a sua educação foi totalmente dada pelos pais, mas como Lizzie diz a Lady Catherine aquelas que queriam aprender não faltavam livros, mas as duas mais novas sempre me pareceram mais interessada em perseguir os oficiais ou comprar fitas novas do que ir na direcção da biblioteca.

Apesar de tão diferentes, as irmãs não se davam mal entre si, nunca nos é dito que houvesse brigas ou disputas por namorados ou algo assim. Algumas cenas da adaptação de 1995 mostram Kitty e Lydia a gozarem com Mary, mas julgo que seria sem maldade e fruto da sua infantilidade, já não me recordo se no livro acontece algo assim. Nenhuma delas faz algo que prejudique outra irmã. Claro que teriam as suas divergências, mas com cinco feitios tão diferentes não seria de esperar o contrário.

2 comentários

Comentar post