Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Jane Austen Portugal

O Blogue de Portugal dedicado à Escritora

Mr Woodhouse: um pai sortudo

[Emma] dearly loved her father, but he was no companion for her. He could not meet her  in conversation, rational or playful. The evil of the actual disparity in their ages (and Mr. Woodhouse had not married early) was much increased by his constitution and habits; for having been a valetudinarian all his life, without activity of mind or body, he was a much older man in ways than in years; and though everywhere beloved for the friendliness of his heart and his amiable temper, his talents could not have recommended him at any time.

-Jane Austen, Emma, ChapterOne

Jane Austen era uma grande fã de heroí­nas com famí­lias ridículas que normalmente acabam bem. Se avaliarmos a fortuna de Mr Woodhouse em Emma, esta só será suplantada pela do seu vizinho em Highbury, Mr Knightley. Contudo, o ser abastado não impede estes nossos personagens de serem algo exagerados e, neste caso, o pai de Emma, apesar de não ser totalmente estúpido, não é exactamente uma pessoa inteligente ou perspicaz.

 

Pai de Emma e patriarca de Hartfield, Mr Woodhouse  é uma personagem nervosa, frágil e conhecido pela sua simpatia e apego à filha mais nova. É pouco resistente a mudanças, chegando ao ponto de ficar infeliz por ver as filhas ou a sua governanta casar. Neste sentido, impede o crescimento e a aceitação da fase adulta de Emma e é, muitas vezes tolo e incapaz de acompanhar o desempenho intelectual da filha.

 

Emma, no entanto, assume uma postura generosa em relação ao seu pai, confortando-o com afecto genuí­no. Raramente fala mal dele  e quando o faz é bastante reservada e pouco se nota. Mr Woodhouse nunca "sofre de qualquer apreensão" e é geralmente alheio a qualquer coisa que não envolva directamente o seu conforto ou a sua saúde.

 

O que Mr Woodhouse é na realidade é um hipocondrí­aco que tem, além de Emma, dois amores na sua vida: a sua saúde e o seu médico. Mr Woodhouse preocupa-se muito com a sua comida e o seu médico, Mr Perry, é a pessoa que mais aprecia no mundo, além de Emma, claro. Quando percebe que ninguém está doente é uma pessoa muito animada, como se pode verificar durante o jantar que oferece em sua casa:

 

"Mrs. Bates, let me propose your venturing on one of these eggs. An egg boiled very soft is not unwholesome. Serle understands boiling an egg better than any body. I would not recommend an egg boiled by any body else; but you need not be afraid, they are very small, you see - one of our small eggs will not hurt you. Miss Bates, let Emma help you to a little bit of tart - a very little bit. Ours are all apple-tarts. You need not be afraid of unwholesome preserves here. I do not advise the custard. Mrs. Goddard, what say you to half a glass of wine? A small half-glass, put into a tumbler of water? I do not think it could disagree with you."

 

Noutras palavras, ele é um senhor mimado e elitista que tem a sorte de ter uma filha como Emma para suavizar as gaffes que ele comete perante os outros, sem sequer se aperceber do ridí­culo de algumas situações e de alguns dizeres.

 

Numa obra sobre o casamento como o é Emma de Jane Austen, Mr Woodhouse é um homem um pouco estranho e indiferente a essas situações. Se o amor, ou mesmo o casamento, está no ar, ele prefere não lhe dar importância e chega mesmo a tentar convencer as pessoas a não casar, principalmente se são pessoas cujo distanciamento lhe vai trazer mudanças na vida.  E, neste aspecto, podemos dizer que é um pouco egoí­sta. Ele não está preocupado com o futuro de Mrs Weston ou Emma ou Harriet. Quando manifesta a sua tristeza relativamente aos casamentos da sua "poor Isabella" ou da "poor Miss Taylor" (que nunca consegue chamar de Mrs Weston), ele está na realidade a pensar em si mesmo. Se as pessoas se casam, passarão menos tempo em Highbury e consequentemente, menos tempo a mimá-lo e a olhar por ele.

 

Felizmente para os nossos enamorados Emma e Mr Knightley, Mr Woodhouse tem mais medo dos ladrões de galinhas do que tem do casamento, razão pela qual aceita que Emma case com Mr Knightley.

 

4 comentários

Comentar post